Fazemos acontecer

Sem dor - A fisioterapia traz qualidade de vida para quem está na terceira idade

Publicado na Revista Tutti Vida & Estilo | 12ª Edição | Fevereiro | 2014
Foto: Alessandro Maschio

Por Ronaldo Victoria

Qualidade de vida. Não é apenas uma receita mágica, mas o objetivo perseguido pela fisioterapeuta Carla Campos quando atua com a Terceira Idade. “Quando trabalho com idosos, o foco principal é a prevenção. Tenho muitos pacientes que ainda não apresentam dor. A questão central é prevenir esse aparecimento, garantindo qualidade de vida nessa faixa etária”, conta.

Segundo a fisioterapeuta, existem três atitudes principais que melhoram a prevenção e diminuem a chance de aparecimento de problemas em articulações:

1 – Fazer exercícios de alongamento para manter a amplitude normal da articulação

2 – Realizar exercícios de movimentação ativa, com resistência. “Com essa prática, o paciente mantém a força e o tônus da musculatura”, explica.

3 – Incluir entre as práticas a realização de exercícios respiratórios para manter a capacidade funcional normal do pulmão. 

“Eu tenho um paciente que já passou dos 80 anos e que leva uma vida ativa. Ele me contou que esses exercícios, além de prevenir problemas, foram fundamentais para ele aproveitar melhor uma viagem que fez. As longas caminhadas ficaram mais fáceis”, conta Carla.

Carla também trabalha com o que chama de intervenção fisioterápica, que vai além da prevenção, já que os sintomas já começaram a aparecer. “Nessa faixa de idade, até pelo desgaste das articulações, as dores são bastante frequentes. As regiões mais comuns são os joelhos, a dor muscular resultante do acúmulo de tensão na região cervical, a lombalgia e a hérnia de disco”, enumera a fisioterapeuta.

Uma de suas pacientes é a médica Maria Aparecida Fernandes Sérgio, de 72 anos, que tem dores na região lombar e cervical. “Ela passou recentemente por uma artroplastia do fêmur, uma cirurgia que reconstitui a cabeça do osso e está num período pós-operatório, que é bastante delicado”, diz Carla.

A médica passa por sessões de fisioterapia com Carla há três anos. “Nesse período notei uma melhora, mas ela decidiu fazer a cirurgia porque as dores começaram a incomodar. Eu digo que a fisioterapia pode ser uma evitar uma intervenção cirúrgica, mas sempre temos de aceitar a decisão do paciente. A palavra final é dele”, garante.

Hidroterapia

Além das sessões em casa dos pacientes, Carla também recomenda as atividades em piscina, a chamada hidroterapia. “A água reduz o peso corpóreo e, portanto, facilita a realização dos exercícios. Além disso, acalma e relaxa, o que também ajuda bastante”, conta a fisioterapeuta, que realizou sessões de hidroterapia com a médica na piscina de uma academia no Jardim Elite.

“Eu estou me sentindo bem melhor. Essas sessões me dão mais segurança”, conta Maria Aparecida, que se submeteu à cirurgia há quatro meses. Ela demorou a se decidir pela cirurgia por três anos, por puro medo, confessa. “Quem está acima do peso tem esse problema e eu, como médica, sei que a obesidade é um dos pontos de risco para a operação. Mas consegui emagrecer 12 quilos e, quando me decidi, não tive mais medo”, afirma a médica.

Hoje, Maria Aparecida faz fisioterapia duas vezes por semana, uma em casa e outra na piscina, sempre com o acompanhamento de Carla. “Eu já faço há um tempo com ela, em quem tenho muita confiança. Já sinto um progresso grande depois da cirurgia, as dores diminuíram. Gosto muito das sessões, principalmente na água, para mim é algo prazeroso”. O marido, o dentista aposentado João José Sérgio Junior, 74, confirma a melhora. “O progresso dela está sendo muito bom, a recuperação tem sido fruto da força de vontade e da disciplina dela e também da dedicação da fisioterapeuta”, afirma.

Carla esclarece que não atende apenas idosos, mas pacientes de todos as faixas, e tem um trabalho voltado para a área de saúde da mulher. Ela presta atendimento domiciliar, que pode ser agendado pelo e-mail carlacm@gmail.com ou pelo telefone 98111-7426.

 

 

Revista Tutti Vida & Estilo Ver todas


Index Soluções
MBM Escritório de Ideias.
Rua Professor Luiz Curiacos, 109 – salas 513 e 514   Cidade Jardim   CEP 13416-461   Piracicaba SP  Fone 19 3371 5944  contato@mbmideias.com.br